Brexit: As negociações sem fim

O mês de julho foi marcado por eventos que agiram direta e indiretamente na saída do Reino Unido (RU) da União Europeia (EU), começando com uma crítica do presidente americano Donald Trump, dizendo que Theresa May, primeira ministra britânica, conduz de maneira fraca e terrível o Brexit. Em 2016 ocorreu um grande e polêmico referendo, o qual trouxe algumas consequências … Read More

Os impactos da inflação americana na economia brasileira

Na contemporaneidade, as economias dos países influenciam umas às outras dentro de um mundo quase que inteiramente globalizado. Nesse contexto, oscilações nos indicadores econômicos de uma nação podem promover impactos significativos em diversas outras sociedades. Esse efeito, por sua vez, é ampliado quando tais oscilações ocorrem dentro da economia dos Estados Unidos da América, potência econômica e militar. Dessa forma, … Read More

Taxa de desemprego americana atinge seu menor nível em 18 anos

Em 2010, a economia americana enfrentava uma fase que trazia uma taxa de desemprego próxima a 10%, algo que representava cerca de 15 milhões de desempregados no país. Desde o início da recessão em dezembro de 2007, ainda que o número de demissões houvesse diminuído, os Estados Unidos haviam perdido 6,9 milhões de postos de trabalho devido, principalmente, à falta … Read More

A política migratória de Trump

Buscando deter o fluxo de migrantes ilegais na fronteira Sul dos Estados Unidos, Trump oficializou, em maio, a decisão de prisão dos adultos que entram ilegalmente no país, inclusive os que pediram asilo, de modo que acabam detidos ou deportados. Para isso, governo de Donald Trump adotou uma nova política imigratória, caracterizada como linha-dura, que segue em transição. ​Tendo adotado … Read More

Guerra comercial entre China e EUA e suas consequências para o Brasil

A relação entre China e Estados Unidos, as duas maiores economias do mundo, se acirraram nos últimos tempos, e prometem uma guerra comercial capaz de abalar fortemente a economia mundial. Em seu mandato, o atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, introduziu um projeto chamado “America First” (América em primeiro lugar) que tem como objetivo proteger e privilegiar a indústria … Read More

O reencontro de velhos inimigos

A relação conturbada entre os Estado Unidos e a República Popular Democrática da Coreia não data de hoje. Com o fim da Segunda Guerra Mundial, em setembro de 1945, os Estados Unidos foram um dos principais protagonistas na separação entre as Coréias. Desde então, os americanos não pouparam esforços em aplicar sanções econômicas à capital norte-coreana, Pyongyang. Dando continuidade, a … Read More

EUA: O guia da economia do Brasil

Nesses últimos meses, o Federal Reserve, banco central dos EUA, tratou de aumentos na taxa de juros americana. Em março, passou de 1,5% para 1,75%, e recentemente, em junho, para 2%. O Fed prevê mais quatro aumentos durante o ano de 2018, o que acarretará em consequências para os países emergentes, incluindo o Brasil. A priori, é necessário afirmar o … Read More

Eleições na Colômbia: embrião do cessar fogo?

No segundo turno das eleições colombianas, que ocorreu no último domingo, 18, a disputa foi entre o candidato Iván Duque, vencedor, do partido uribista, que caracteriza o centro democrático colombiano e era o favorito; e o candidato de esquerda, Gustavo Petro, que faz parte do movimento  Colômbia Humana. A série Narcos, do Netflix, ganhou muita popularidade pelo seu elenco, e … Read More

Decisões do passado e consequências para o futuro: Greve dos caminhoneiros

Após um momento histórico de paralização do país, a maior greve da década traz uma lição sobre o comportamento brasileiro, o seu pensamento a curto prazo, e a sua falta de capacidade de negociação com o poder público, que trará consequências nefastas para o futuro da economia brasileira. A série de erros históricos que o Brasil cometeu nos governos desde … Read More

Alta do petróleo: um cenário já conhecido

O mês de maio foi conturbado para o preço do petróleo diante de tantas turbulências, um valor tão elevado não era visto desde 2014. O barril chegou a custar 75 dólares, em contraste aos 50 dólares no mesmo período do ano passado. Tal alta desregula o mercado, uma vez que dispara a inflação, aumentando os preços dos combustíveis, dos fretes, … Read More